Ternura pura

Eu tenho um amor grande pela minha irmã . Agora que está livre ao vento, está formando um zoológico em sua casa, mas os novos habitantes chegam por eles mesmos. Além do lago de peixes, da água corrente de fonte das matas, ela tem as tartarugas Jovita e Petruccio, a lagartixa gigante Dinossaura, o sapo (sapa) Chaulim e um sapinho Chaulinzinho que vive grudado nas costas dele; a Meg e o Negão (estes ultimos, companheiros au-aus). Além disso, tem aquele monte de passarinhos que vivem no seu jardim. Eu estava aqui pensando: vou comprar fubá hoje e colocar na varandinha do nosso quarto. Os passarinhos virão! - Minha irmã: Ter liberdade é dar-se o direito de transformação. - Siga adiante e logo virão emoções de mais ternura...




Foto by M.Cecilia - Pássaros do seu jardim.