Lugar de toda magia






Lugar de toda Magia



Sempre que eu me sinto triste – e muitas vezes, alegre - visito uma Amiga que tenho há muitos anos. Ela é bonita, luminosa e está disponível dia e noite. Para entender o que estou falando, só mesmo indo fazer uma visitinha pra Ela. Vitória tem uma avenida que você consegue vislumbrar a casa desta amiga, ao longo de todo o caminho percorrido, a pé ou de carro. Não existe sensação mais aconchegante do que lançar um olhar para este lugar, nem que seja bem rapidinho. Para saber um pouquinho mais sobre este cantinho de magia , paz e beleza, o lugar está situado em Vila Velha, que de Vitória até lá é só atravessar a Terceira Ponte e começar a sorver a beleza de verde e flores. Frei Pedro Palácios, em 1558, queria construir uma capela e o lugar escolhido é este que está na foto.

O Convento fica a 154m de altitude e está cercado pela Mata Atlântica. É impressionante como podemos ouvir pássaros, sentir o verde e entrar no espírito de fé que o lugar nos oferece. A ladeira é alta... Um pouco cansativa, mas se formos bem devagar, poderemos entender como foi construída. O caminho é todo feito de pedras. Eu, que tenho fascinação por pedras, consigo visualizar as pessoas, em 1558, carregando as pedras para o alto, onde o convento está edificado. Como pode... 450 anos atrás e tudo está perfeitamente no lugar!

Mesmo que haja outras crenças e a todas eu respeite,eu tenho um trato com Nossa Senhora. Toda vez que eu estou angustiada ou muito triste, peço-Lhe que me mostre o caminho. Ela nunca, uma única vez sequer, falhou. Retira-me a tristeza e me dá alegria. Este lugar é o meu cantinho de reflexão e tem um poder mágico sobre mim... Não preciso nem fazer orações prontas; apenas olho para Ela e sou atendida.

Fé é um sentimento muito bonito. É neste lugar que eu encontro alento quando preciso. Tem alguns fatos que aconteceram comigo que não podem ser revelados, porque são muito íntimos, mas posso garantir que a mão de Nossa Senhora me levou a todos eles - os ganhos e as perdas.

É certo que, de vez em quando, Ela se zanga comigo e me coloca de castigo, virada pra parede. Mas eu sempre volto...


Domingo de março, 2012