Carinho de Garça




Carinho de Garça


Em meu coração tocas, sempre!
Mistura de olhar bonito, quando voas.
Como dormes, garça querida,
deitada de lado, com pombos contigo?

Em meu coração tocas, sempre!
Nas areias dos rios, passeias...
Eu te olho, como anjo leve
a tomar conta de ti, enquanto
pastoreias... ouço teu caminhar!

Em meu coração tocas, sempre!
Perco-me em teus caminhos,
garça querida, queira o meu carinho,
Eu também sou sozinha...





Segunda-feira de chuvas de janeiro, 2012
Foto:Mangal das Garças - Belém, Pará
Foto by RLóra