Pensamentos(91)




Pensamentos (91)


Minha Noninha Cecília era pequenina e muito bonita. Teve um monte de filhos, que criou em silencio. Noninha não falava nada, mas cantava baixinho o dia todo. Adorava cuidar da terra, o quintal era varrido com uma vassoura feita de galhos que catava nos arredores. Tomava banho de rio todos os dias. Quando teve que morar na cidade ficou mais calada. Misturava realidade com as novelas... Deixar o rincão que amou tanto foi difícil para ela.

Sempre que precisamos mudar alguma coisa na vida, mudamos também o nosso modo de pensar...

Domingo de novembro,2011